Removendo os avisos do WGA


Removendo o WGA
Também sou técnico em montagem e manutenção de computadores, e depois que a Microsoft implantou o tal de WGA (“Windows Genuine Advantage”) para conter a pirataria. Só atendo algumas grandes empresas, que têm os softwares todos legalizados, e o WGA tem funcionado direitinho. Acontece que algumas das vezes, mesmo o Windows sendo original, o WGA insiste em aparecer, dizendo que o Windows é pirata.

Assim pergunto: Por que isto acontece? Não haveria alguma forma de remover este tal de WGA, sem comprometer o funcionamento da máquina?
E respondo, existe uma forma de remover isto, siga as instruções:

1 – Desative a “Restauração automática do sistema” indo em Meu computador -> Propriedades -> Restauração automática.
2 – Baixe o software “WGA Removal” e execute-o. Ele vai desativar o WGA e pedir para reinicializar a máquina.
3 – Ative novamente a “Restauração automática”.

Com isto o aviso do WGA não irá mais aparecer, mas continuam as restrições às cópias falsas, isto é, o Windows XP vai funcionar normalmente, entretanto algumas atualizações não serão aceitas.
Este sistema funciona também em cópias não autorizadas, mas devemos lembrar que o Windows é um produto comercial e a Microsoft tem todo o direito de exigir que seus consumidores paguem pelo produto e, se você não deseja fazer isso, deveria estudar outras alternativas, como utilizar o Linux ou MacIntosh, afinal foram investidos bilhões de dólares no desenvolvimento do Windows e este dinehiro precisa retornar para a Microsoft, nada mais justo.

Esta prática de remover os avisos dos WGA não é considerado “pirataria”, porque o consumidor que compra os produtos originais, tem direito sob o seu computador, então o WGA é “opcional”.